23 abril 2014

Resenhando: base líquida facial, Natura aquarela

Olá gatinhas. Prontas para mais uma resenha? Espero que sim!
O produto de hoje é uma base líquida da linha aquarela que eu comprei no catálogo da Natura, e desde que eu comprei sinto vontade de resenhar mas só agora que "a coragem bateu na minha porta".


Bom gatinhas, a embalagem é de fácil aplicação, possibilitando a dosagem. A minha cor é a marrom médio 21, a textura é líquida e a cobertura é péssima. Custou R$ 25.


Por curiosidade, li algumas resenhas depois de ter testado a base e vi que muitas blogueiras disseram coisas como: "ela não cobre completamente as manchas da pele mas é ótima para o cotidiano". Gente, eu confesso a vocês que não gosto dessas bases que fazem a gente parecer que passou gesso no rosto, mas se a base não cobre nada, por que alguém compraria? Eu particularmente não consigo entender. Gosto do meio termo, das bases que escondem as imperfeições (mesmo que não por completo) e que não deixem aquela impressão de "parede rebocada"! (risos) 


Eu não tenho muitas manchas na pele mas gosto de cobrir as manchinhas que as espinhas deixam, e com essa base não consigo obter esse resultado facilmente. Na minha opinião a base não é a mais indicada pra quem tem espinhas. Eu uso ela junto com outra base e com o auxílio de um corretivo. E apesar das críticas com as maquiagens da Avon, prefiro mil vezes a minha base da Avon que infelizmente está acabando.  


Eu espero que vocês tenham gostado da resenha, e que consigam formar uma opinião baseada nas fotos, em relação ao produto. Eu infelizmente não vou indicar a base, apesar de estar usando ela diariamente, afinal, paguei por ela! (risos) Sempre dá pra adaptar um produto com as nossas necessidades, não é mesmo? A cobertura ruim não é o fim do mundo, ela acaba preparando a minha pele para receber o pó, apesar de não ser essa a sua função. 

E é isso gatinhas, qualquer dúvida é só deixar nos comentários, pois respondo todos. 
Fiquem com Deus, e mil beijos meus!

22 abril 2014

Um trabalho que fala por si só.

Olá gatinhas!
Diferente do que estamos acostumadas a ler aqui, hoje eu escreverei sobre o trabalho da minha mãe. Para as gatinhas que ainda não sabem, eu sou filha de uma costureira linda e muito talentosa. Tenho o maior orgulho da minha mãe, e hoje vim mostrar a vocês um vestido lindo que a minha mãe fez para uma mocinha comemorar o seu aniversário de onze anos.
  
Gente, não ficou igual um vestido de princesa? Fiquei tão apaixonada pelo vestido que tive que postar pra vocês verem. O mais legal é que a minha mãe foi convidada para a festa, e me carregou junto. Meu look foi completamente improvisado, e o vestido lindo que a minha mãe usou foi feito por ela também.

Na foto: amiga, minha mãe, eu, amiga. 

E é isso gatinhas. Hoje eu vim só pra mostrar o trabalho da minha mãe e dizer pra vocês que o orgulho que eu sinto por ela é imenso! 

__________________________________________________________


Além disso, para as gatinhas que gostam de leggings, a Romwe colocará em promoção as leggings de listras P&B.  $15.99 em 24 de abril apenas, são 36% de desconto. 
___________________________________________________________

Fiquem com Deus gatinhas, amo vocês.

21 abril 2014

Resultado do sorteio em parceria com RoseWholeSale

Olá gatinhas! 
Hoje eu vim contar pra vocês quem ganhou o sorteio de páscoa. Foram apenas 28 inscrições e a vencedora foi a Clediana Souza. Eu ainda estou analisando tudo direitinho e ela tem até a quarta-feira pra me responder no facebook, ou eu vou precisar refazer o sorteio. 


Então... Parabéns Clediana, eu estou muito feliz por você e espero do fundo do meu coração grandão que você goste do presentinho que você escolheu. Muito obrigada a todas as participantes!  


E é isso gatinhas. Tô passando rapidinho mesmo. Como foi o feriado de vocês? Gostaram do novo layout do blog? Em breve vou contar quem fez.

Fiquem com Deus, e mil beijos meus!

19 abril 2014

#PapoDeBlogueira: top 5 livros favoritos

Olá gatinhas! 
Hoje talvez seja o sábado mais delicioso do mundo. Tô comendo tanto chocolate que são as formigas que me atacam e não os mosquitos do quintal! (risos) Brincadeiras à parte, hoje é dia de papo de blogueira e o tema de hoje talvez seja o mais perfeito de todos pra mim. Hoje, cada uma de nós trará pra vocês os nossos cinco livros favoritos, e eu estou super feliz por isso, afinal, finalmente vou poder dividir com vocês o meu vício por leitura.


Eu não sou a pessoa que mais leu livros na vida, e me arrependo amargamente por nunca ter tentado ser. Nunca fui ligada ao universo dos livros, nunca conseguia terminar um livro sequer. Até que eu achei um livro que prendeu a minha atenção (esse aqui) e que despertou em mim a necessidade inadiável e incessante de ler mais e mais livros tão bons quanto (na minha opinião), e que me fizessem querer terminar a leitura. 
Nesse top 5 eu resolvi contar a minha experiência com cada um dos livros que eu escolhi, mas não vou resenhar. Quem ficar curiosa terá que ler!


Na Ordem:

# O Cortiço - Aluísio Azevedo: esse foi um dos primeiros livros que eu li na vida, e meu caso de amor com ele sempre mata as pessoas de rir. Eu demorei simplesmente um ano pra ler esse livro. Sim, um ano! A história é perfeita mas a leitura é cansativa. Eu tinha que usar dicionário e ficava com sono, então eu desistia de ler e quando resolvia prosseguir acabava voltando para o começo. É um romance muito criativo, com umas partes eróticas, outras partes violentas, algumas repugnantes e todas repletas de aspectos culturais. Eu indico esse romance pra quem gosta de literatura, e principalmente, pra quem tem paciência.

# O pequeno príncipe - Antoine Saint-exupéry: esse livro foi um presente que eu ganhei do meu namorado no dia das crianças. O motivo que me faz amá-lo tanto é a simplicidade e doçura contidas em cada capítulo. Ele é praticamente um mapa para a felicidade. Nos ensina valores realmente importantes e nos faz suspirar no fim, que na minha opinião é trágico, deixando aquele gostinho de "quero mais". Ele foi a minha leitura de ônibus durante uma semana.

# A culpa é das estrelas - John Green: eu comprei esse livro simplesmente por não aguentar mais ler resenhas positivas sobre ele. Comecei lendo na expectativa de conseguir discordar de todas as boas avaliações, mas não consegui. A frase na capa: "Você vai rir, vai chorar e ainda vai querer mais" me soou como arrogância e me fez odiar o autor antes mesmo de abrir o livro. Porém, hoje sou mais uma apaixonada pela Hazel e pelo Gus. O romance conta a história de dois adolescentes, numa "linguagem" típica de adolescentes, não deixando de lado o ponto de vista das pessoas ao seu redor. São várias histórias que se cruzam e se separam o tempo todo. Com muitas surpresas e sensibilidade, o livro começa com um personagem principal e termina com um outro nesse "papel". É dramático e muito apaixonante. Demorei uma semana e meia pra ler, eu acho.

# O menino do pijama listrado - John Boyne: eu sinceramente não lembro direito do filme (inclusive, vou assistir agora no YT). Eu não comprei esse livro na expectativa exclusiva de fazer a comparação com o filme, ou de conhecer a história. Na verdade, foi um pouquinho de cada coisa, e o preço ajudou muito! É um dos livros mais lindos que eu li. É uma história de guerra contada por uma criança completamente inocente que está completamente empenhado no seu grande sonho de ser um explorador. Bruno me fez tremer e soluçar, simplesmente por ser leal ao seu novo melhor amigo. Li em umas duas semanas, ou um pouco menos.

# Extraordinário - R. J. Palacio: sabe quando você lê apenas uma resenha, muito bem escrita, sobre um livro e já nasce em você uma urgência inadiável de lê-lo? Eu sabia que seria bom, e enchi o meu namorado pra que me desse de presente, o que ele curiosamente não parecia nem um pouco preocupado em fazer. Quando de repente, heis que surge uma briga e eu ganho o livro como um pedido de desculpas, mais do que aceito! É um dos livros mais grossos que já li, numa história completamente maravilhosa " O Extraordinário", como eu prefiro titular, foi o livro mais lindo que eu já li na vida. O autor merece todo o reconhecimento do mundo. Ele é perfeitamente escrito e rico em detalhes. Eu curiosamente levei apenas um dia e duas noites pra terminar esse livro, e já vive em mim um desejo incessante de reler. Chorei muito, dei muita risada e hoje sou imensamente orgulhosa do personagem principal. Auggie, Auggie, Auggie... Acho que todo ser humano deveria ter o prazer de ler esse livro ao menos uma vez na vida. Auggie, Auggie, Auggie... Sempre vou amar você! 

E é isso gatinhas. Eu imagino que nem todas vocês vão se interessar em ler o post todo já que nunca escrevi sobre livros aqui. Não que eu me lembre. Mas para as que curtem leitura, espero que o meu top 5 agrade. Me digam se já leram algum desses livros e o que acharam. Conto com a participação de vocês.  E não vamos esquecer de visitar o blog da Nandinha e o blog da Lu, beleza? 

Fiquem com Deus e boa páscoa!